porque eu sou awesome. muito.

//subscrever feeds

Posts

Sábado, 20 de Fevereiro de 2010

O Zé vai levar a namorada dele para a catequese no Sábado, e agora entrou em pânico porque não sabe como dizer à rapariga que as aulas de catequese que ele dá não têm o mínimo interesse do ponto de vista católico. Ou seja, o Zé não nos ensina nada. Ah wait, ele tenta fazer-nos a cabeça para ficarmos na catequese até ao 10º ano e fazermos o crisma (lá está, ele sempre diz alguma coisa de interessante para a igreja e para a nossa vida religiosa). E pronto, ele fala da tuna e da faculdade e tal, do preço das propinas e da bolsa, e do trabalho que ele tem num parque de diversões qualquer, da vida nova, do telejornal, da China, do Tibete, do Haiti, do Naruto, do Sasukemo,  do Tim Burton, do Quentin  Tarantino, do Cavaco Silva, do grande conservador que ele é, da 2ª Guerra Mundial, do DragonBall, do David Fonseca .. e da namorada dele, pois. Eu não o vejo é a falar da Nossa Senhora e do Milagre de Fátima e de Adão e de Eva e de fazer isto e aquilo é pecado. Como dizia o Maio no outro dia « Tenho saudades da altura em que eu tinha 9 anos, este gajo ainda não tinha entrado na minha vidinha e eu podia dizer à minha mãe que aprendia muitas coisas bonitas sobre Jesus na catequese. » (o Zé começou a dar-nos catequese quando nós tínhamos 10/11 anos e ele uns 17).

Então e à conta da bela namorada do Zé, eu e o Astronauta já pensámos em levar uma máquina de filmar porque aquilo vai ser MESMO lindo. E tipo, não pensem que nós não gostamos do nosso catequista, ele até é muito bom rapaz :C Fala-se em anime e os olhinhos dele até brilham. Fala-se em indie e AM e os olhinhos dele até brilham. Fala-se em guitarra e os olhinhos dele até brilham. Fala-se na namorada e os olhinhos dele até brilham.

 

E o Zé agora pensa que nós vamos remediar a situação e levar assuntos e temas para discutir lá. Ahah. E ele também pensa que vamos convencer o pessoal todo que só vai lá uma vez por mês a estar presente. Novo ahah.

 

Falando a sério, bendita a hora em que o Zé me entrou na vida. Se não fosse ele eu nem sequer me dava ao trabalho de fingir que sou católica.

 

cathz

publicado por cathz às 19:51
sinto-me: Chisdê.
música: Look Out Sunshine ! (The Fratellis)

Tens sorte em ter um professor de catequese assim.
As duas que eu tive eram bem diferentes, e bem exigentes. Acredita.
Mas, para minha sorte ou azar, elas até engraçavam comigo.
Violinista a 21 de Fevereiro de 2010 às 00:05

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres


Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.